• (21) 99879-8800

JOIAS, SEMIJOIAS E BIJUTERIAS: QUAL A DIFERENÇA?

08/07/2020
  • Os acessórios fazem parte do cotidiano da maioria das mulheres: cintos, bolsas, sapatos, brincos, colares e demais apetrechos têm o poder de mudar um look, deixando-o sempre único e especial. E eles não necessariamente deixam a produção mais arrumada: é possível usar algumas peças para sentir-se bem informal e despojada. 

    Dentro do mundo dos acessórios, temos 3 grandes categorias: joia, semijoias e bijuterias. Mas você conhece a diferença entre cada uma delas? É importante ter esse conhecimento para saber bem o que se está adquirindo e vendendo.

    Existe uma peculiaridade entre joias, semijoias e bijuterias que todo mundo logo percebe: as primeiras são caríssimas; as últimas, bem baratas. Entre uma e outra, as semijoias custam mais que as bijuterias, mas muito, muito menos que as joias. O preço dessas peças, entretanto, é uma consequência do material usado em cada uma delas.

    Antes de continuar é importante lembrar que não importa se seja uma joia, uma semijoia mais fina ou uma bijuteria mais simples, ambas têm seu lugar no look, mas é imprescindível saber suas diferenças para evitar cair numa roubada.
     
  • Conheça as diferenças:

    Assim como já lhe contamos, cada uma dessas peças tem suas particularidades. Apesar disso, a grande diferença que as separa diz respeito ao banho e à composição dos materiais. A joia é a mais duradoura, seguida pelas semijoias e, depois, pelas bijuterias. Veja:

    Joias

    As joias são os acessórios mais puros, ou seja, são realmente feitas por um material nobre e maciço. Esses materiais podem ser o ouro, a prata, o titânio ou a platina, por exemplo. Além disso, elas podem vir acompanhadas das mais diversas pedras preciosas, como Diamantes, Esmeraldas, Rubis, e Safiras. 

    Joias também possuem um maior caráter cultural e histórico: por serem mais caras, elas passam pelos membros da família, em forma de herança, e duram por bastante tempo.

    Semijoias

    A olho nu, é quase impossível distinguir uma semijoia de uma joia. Como já dito, a maior diferença entre elas reside na composição. Nesse caso, a semijoia tem base de metal não nobre e, depois, recebe camadas de banho de um elemento nobre, o ouro. Elas podem vir acompanhadas de pedras naturais, cristais e zircônias.
  • Semijoias podem ser tão belas como joias.
    Semijoias podem ser tão belas como joias.
  • As peças ficam visualmente bonitas, possuem uma boa durabilidade (devido ao banho recebido e, principalmente, guardando-as da forma correta) e, além disso, por não terem uma composição 100% pura, elas são mais baratas. Essa é uma grande vantagem, e dá às semijoias um excelente custo-benefício. 

    O que diferencia uma semijoia da outra é a quantidade de ouro usada nessa última camada. Por isso o valor de uma loja para outra pode variar, mesmo a peça sendo de mesmo modelo. Na 2RD Semijoias, trabalhamos com banho de 10 milésimos de ouro, sendo considerado o melhor do mercado e com garantia.

    Bijuterias

    As bijuterias são mais populares e usadas, principalmente por serem mais baratas. Mas esse preço baixo não é à toa: elas não recebem um tratamento de banho, nem possuem uma boa composição (muitas vezes o metal base leva níquel ou cádmo na composição, considerados os grandes vilões das alergias). Na verdade, o banho - quando é feito - só acontece para que a peça ganhe cor. Esse procedimento é chamado de flash, chapeado ou folheado. No lugar de pedras, geralmente é utilizado strass, plástico ou vidro colado.

    Normalmente isso não é um problema, somente uma característica. Talvez você até prefira usar uma bijuteria para ir a lugares que sejam mais perigosos ou até para comprar aquele acessório feminino da moda que é mais passageiro e você está na dúvida se vai usar depois. Elas são uma boa alternativa para quem procura por uma peça muito específica, que não pretende guardar e usar por muito tempo.

    Mas lembre-se que por não levarem banho de ouro, esses acessórios são mais suscetíveis à oxidação: descascam rapidamente e, com o tempo, já não apresentam o mesmo brilho e beleza.
  • Bijuterias com níquel ou cádmo podem lhe causar alergias.
    Bijuterias com níquel ou cádmo podem lhe causar alergias.
  • Viu só como joias, semijoias e bijuterias, mesmo quando parecidas, são peças bem diferentes? Agora que você já conhece a composição e os pontos positivos e negativos de cada uma, vai ficar mais fácil escolher e comprar a que mais te agrada! 
     
    Se você gostou do nosso conteúdo, continue recebendo novidades e conferindo alguns produtos por meio de nossas redes sociais: Instagram e Facebook
     
     

Compartilhe

Comentários

Whatsapp